CHRIS FRANCINI

Paris Fashion Week

Resumo Semana de Moda de Paris Primavera/Verão 2017

Paris Fashion Week, PFWChris FranciniComment

Saint Laurent

Em sua estreia na YLS, o estilista Anthony Vaccarello apresentou uma coleção inspirada nos anos 80 e um estilo provocante! Ombros volumosos, decotes, amarrações laterais e peças brilhantes caracterizam o desfile de tons sóbrios da grife. Mais uma vez, os maxis brincos surgem na passarela com cores contrastantes. Destaque para o logo que foi parar nos saltos!!

Courrèges

A marca levou a passarela uma alfaiataria moderna, com itens mais atuais, como: Recortes geométricos e cores que fogem do monocromático. A clássica jaqueta continua, mas ganha um novo acabamento nesta temporada. Listras e patches são as novidades desse desfile que ganhou uma silhueta mais ajustada. Shorts, tops e mini vestidos estão em alta no verão da Courrèges.

Lanvin

Leve e elegante caracteriza o verão 2017 da Lanvin, que marcou a estreia da estilista Bouchra Jarrar. A coleção apresenta uma alfaiataria leve, com muitas listras em looks preto e branco. As produções contrastam peças do guarda-roupa masculino com os vestidos camisolas, modelos mais fluidos que na temporada passada com jaqueta para um visual moderno. Atenção para os chinelos decorados que podem ser usados até em uma festa!

Rochas

O verão 2017 da Rochas, levou muitas cores vibrantes e alegres à passarela. Os vestidos, saias e pantalonas curtas são fluidos e muitas delas plissadas ou com babados. O color blocking está de volta nesta temporada, um estilo vintage e contemporâneo! 

Vionnet

Inspirada no mar, o verão da Vionnet apresenta a alfaiataria com sobreposição de camadas de tecidos em cores neutras e coloridas, enquanto os vestidos de festa são monocromáticos. Muitas peças oversized e silhueta fluida com cintura marcada. Destaque para o uso do jeans na coleção!

Chloé

Nesta temporada, o desfile da Chloé vem em clima romântico, com vestidos fluidos com elementos esportivos. O verão fresh e jovem, traz macacões, vestidos, saias e calças com silhueta ampla e detalhes de laços nos ombros e estampas florais ao lado de muita renda, babados e plissados.

Balmain

Um dos desfiles mais esperados da PFW, a Balmain surpreendeu mais uma vez! Em um cenário de floresta tropical, a grife continua com o seu estilo sexy, com muitos recortes estratégicos e vazados. Vestidos decotados, macacões, conjuntos com pantalona têm cintura bem marcada com a ajuda de cintos. Looks monocromáticos e coloridos deixaram as admiradoras da marca encantadas! Destaque para a estampa atemporal de píton, que está em muitas produções da coleção, assim como as peças metalizadas.

Rick Owens

A marca segue sua tradição e investe em diferentes volumes e tamanhos de looks monocromáticos e com muitas amarrações! A cartela de cores é composta por preto, cinza, roxo, amarelo e tons terrosos. Nos sapatos, botas metalizadas que podem ser usadas de dia e a noite.

Isabel Marant

Em seu verão 2017, a marca mantém sua silhueta bem marcada, muitas vezes por maxi cintos, e dá um contraste de volume nas mangas e calças. Nem os tops de uma manga só ficaram de fora! Os babados e brilhos inspirados nos anos 80 também continuam e, a coleção ganha estampas florais suaves.  

Loewe

Você usaria um colar de morcego? Esta é a proposta da Loewe para a temporada. A marca que sempre traz acessórios irreverentes, desta vez apostou em colares de morcego. Para seu verão 2017, mangas oversized, mix de texturas e produções para todos os gostos! Ou seja, looks monocromáticos, coloridos ou estampados para atender seus consumidores. 

Dior

A estreia de Maria Grazia na grife foi marcada por uma nova silhueta, femininos e atitude. A silhueta fica mais romântica, assim como a alfaiataria slim e a escolha por peças mais leves, com tule e fluidez. As alças de vestidos ganharam o logo da grife, que também chegou nos acessórios. A estilista investiu na logomania nos acessórios, as bolsas ganharam não só o nome da marca em uma alça, como palavras que remetem a ela, como J’Adore. Em sua primeira coleção, Maria também apresenta a mistura de peças do guarda-roupa feminino e masculino, o leve com o pesado. O principal destaque foram as camisetas com frases feministas! Os tênis bota feitos pela Puma são desejo imediato! Alguém mais?

Chanel

Em um cenário de data center, a grife traz as referências de cabos para as estampas de seus clássicos tweeds e tailleurs, que aparecem mais coloridos nesta temporada! No verão 2017, lingeries estão em evidência, contrastando a leveza e sensualidade delas com os conjuntos tradicionais da marca. Karl pensou em uma mulher prática e feminina, que pode usar um slipdress com a roupa por cima. A era da tecnologia também chega aos acessórios, as bolsas recebem desenhos de circuitos de computadores. Amei!

Fotos: Agência Fotosite

PFW Fall/Winter 2016-17 - Último Dia

Paris Fashion WeekChris FranciniComment

Louis Vuitton: Apresentou um inverno com mistura de referências das últimas temporadas. Foi sua coleção mais comercial até agora. Casacos com aberturas assimétricas, algumas aparecendo a barriga, novamente as jaquetas cropped que atraem o foco para a cintura, calças amplas com blusas ajustadas no corpo (e vice-versa!). Os conjuntos e vestidos que lembram pijama também estão presentes em Louis Vuitton. Destaque para os coturnos pesados nos pés! A marca investiu em um pouco de tudo para agradar a todos. 

PFW Fall/Winter 2016-17 - 8° Dia

Paris Fashion WeekChris FranciniComment

Chanel: Com todos os convidados na primeira fila, Karl Lagerfeld apresentou um desfile mais Chanel impossível! Clássicos tailleurs com tweeds, alguns misturados com o toque moderno de transparência e jeans, saias midi e calças afastadas do corpo. As estampas florais e geométricas também surgem em alguns momentos. Atenção para os chapéus preferidos de Coco Chanel e luvas longas. Outro hit: os colares de pérolas cada vez maiores!!

PARIS_chanel.jpg

Agnès B.: Trouxe uma coleção minimalista e bem comercial. Vestidos, conjuntos e saias super femininos, usados com jaquetas de couro, casacos e trench coats (pendurados nos ombros). Buscando um pouco do estilo retrô, a estilista investiu em acessórios como os chapéus e meias 3/4. Simples e elegante!

Valentino: O desfile foi dividido em duas partes: o estilo Dark, com tules, plissados, sedas, suéteres de gola rulê, mangas longas contrastando com coturnos e casacos de pele. E o outro lado, inspirado no balé clássico, cheios de peças marcantes, vestidos leves, românticos, muitas vezes com babados, transparência, estampas discretas e a cartela de cores varia em tons de nude e metálico.

Kenzo: Maximalismo é a palavra-chave para o desfile da marca que ousou para o outono-inverno 2016-17. Ombros volumosos, babados cheios e mangas longas em estampas, essas que variam entre: floral, animal print e listras super coloridas! 

PFW Fall/Winter 2016-17 - 7° Dia

Paris Fashion WeekChris FranciniComment

Stella McCartney: A coleção de inverno apresenta muitas das tendências que estamos vendo nesta temporada, como: casacos, calças e macacões em proporções amplas, peças acolchoadas, plissados, babados, mangas longas, veludo, e slip dresses. A estilista propõe conforto e ao mesmo tempo, elegância nesta temporada. Estampas de cisnes surgem em vestidos e calças combinadas com outros tecidos. Destaque para a volta do jeans descolorido. Adorei!

PARIS_stella_mccartney.jpg

Giambattista Valli: Em um desfile bem romântico, trouxe estampas florais para um inverno delicado e feminino. As mangas compridas e golas vitorianas são os elementos-chave da coleção, que também aposta em babados e plissados, outros hits da temporada. O último bloco foi composto por vestidos longos de festa com renda, transparência e bordados. Lindo!

Hermès: A marca segue com a sua essência sofisticada, porém, discreta. A alfaiataria impecável traz calças encurtadas e vestidos com a silhueta algumas vezes marcadas e outras, mais fluidas. A cartela de cores delimitada varia em tons sóbrios, do laranja ao marinho. E os diversos tecidos são combinados de forma bem clean. 

Yves Saint Laurent: Diferente dos outros desfiles, a apresentação no estilo couture, foi feita sem música e com os looks sendo narrados um por um. Com inspiração nos anos 80, no glam rock, a coleção traz como pontos fortes: as ombreiras, babados e ombro à mostra. Os vestidos e conjuntos com brilhos e transparência, têm as cinturas marcadas por cintos largos. Atenção para os maxi casacos felpudos e coloridos que com certeza, foram atrativos no 5° dia da PFW.

PFW Fall/Winter 2016-17 - 6° Dia

Paris Fashion WeekChris FranciniComment

Balenciaga: Em sua estreia, o estilista Demna Gvasalia apresenta a mistura de referências modernas com tendências de street style. Uma coleção nada óbvia, que traz desde enchimento nos quadris, passando por jaquetas esportivas e roupas práticas, até as estampas florais. Atenção para as bolsas que surgem em versões fun como as tradicionais sacolas de feira.

Céline: Para esta temporada, a marca apostou em proporções grandes e sem composições. As cores sóbrias predominam a coleção com estética clean, ou seja, um respiro de informações. Coletes, casacos longos e camisetas com mangas longas junto com calças largas e rasteiras caracterizam o desfile. Outro elemento presente, foram os conjuntos que remetem a pijamas, discretos e elegantes.