CHRIS FRANCINI

São Paulo Fashion Week N43 - 5° Dia

SPFWChris FranciniComment

RATIER

No último dia de SPFW, o inverno da Ratier traz inspirações da Romênia e no misticismo da região. O preto predomina a coleção, que traz um ar misterioso e sexy, em tecidos que vão do couro ao veludo molhado. Fica aparente que o estilista pensou em um desfile noturno, por isso, optou por peças longas e camadas. A marca apostou também no conforto de quem usa, mas com complementos mais carregados, como franjas, rendas e acessórios.

A. NIEMEYER

Em sua ótima estreia na semana de moda, a grife apresentou um trabalho incrível de handmade, que apesar do maior desenvolvimento, a coleção é bem leve e delicada para o inverno. A alfaiataria esportiva tem um caimento excelente. Linha confortável e chique, para usar desde o escritório até ocasiões mais casuais. Os meus três looks preferidos são em branco e off white, mas opções de marrom, laranja e até azul compõe a coleção nesta temporada.

AMAPÔ

Que o jeans é carro-chefe da Amapô todo mundo sabe, mas como se reinventar tantas vezes e fugir do comum? No inverno 2017, a marca escolheu retratar os problemas do Brasil com referências do mundo circense. Ou seja, macacões, jeans desconstruído, peças oversized, além das calças que ganharam uma versão estilo “palhaço”. Outro bloco do desfile que chamou atenção foram os looks pretos com metalizado, com modelagem ampla.

LAB

Na segunda coleção apresentada no SPFW, a marca mostra seu amadurecimento em diversos sentidos. O tema escolhido para o inverno foi o samba, com um mood “malandro”... Calças retas, fluidas, chapéu e jaquetões. Os conjuntos continuam bem esportivos, mas ganham um toque especial, a mistura do street com o vintage. A novidade é que os looks pretos iniciais, dão espaço para as cores e detalhes coloridos a partir dos bordados feitos à mão pela mãe dos fundadores da marca, Emicida e Leandro Fióti. Eles mostram o valor do trabalho handmade que a mãe faz desde pequena. Quem comprar a peça, não terá só os bordados, mas as histórias por trás de tudo.