CHRIS FRANCINI

Chris na SPFW

Looks SPFW

Chris na SPFWChris FranciniComment

A edição n° 41 do São Paulo Fashion Week termina hoje, e uma das dúvidas que as pessoas têm é de como se vestir para assistir aos desfiles.
Primeiro deve-se pensar no clima durante a semana de moda, por exemplo, nesta semana tivemos dois dias quentes (segunda e terça) e de quarta-feira para cá, a temperatura caiu.

Qual é o seu estilo? É importante estar alinhado com as tendências da temporada, mas  sempre coerente com sua personalidade.

O sapato é um dos itens mais importantes na hora de decidir sua produção! O evento acontece durante cinco dias, com um desfile atrás do outro. Por isso, opte pelo conforto: sapatilhas, botas, sapatos baixos ou até um tênis personalizado. Confiram os meus looks:

SPFW – 5° Dia

Chris na SPFW, Chris Francini, Conteúdo da Chris, Dica da Chris, Moda, TendênciasChris FranciniComment

Lethicia para Riachuelo: A parceria levou à passarela uma coleção trabalhada nas rendas em versão urbana e muitas sobreposições. A estilista Lethicia Brontein, conhecida por seus vestidos longos de festa, reinterpretou seus modelos em peças mais casuais, como saias lápis com comprimento midi e vestidinhos mais curtos. Além das rendas, as estampas de animal print e florais têm forte referência na coleção.

Gloria Coelho: Inspirada em temas nórdicos, a estilista apresentou uma coleção esporte fino, com muito couro e pelos. Destaque para a assimetria e as fendas dos looks. A cartela de cores contrasta claros e escuros, com destaque para o café. 

Fernanda Yamamoto: Desfile com uma silhueta mais confortável e leve, que retrata o Cariri, região da Paraíba, local que a estilista visitou para buscar o trabalho da renda nascença. O couro e os trançados foram o destaque da coleção.

Juliana Jabour: Com seu famoso estilo esportivo dos anos 80, a estilista levou às passarelas muitas estampas geométricas com a cartela de cores primárias. Nesta coleção, investiu em uma alfaiataria impecável, com camisas de babados, vestidos, saias e calças.

Lolitta: A marca apresentou seu desfile com uma cartela de cores restrita a preto, prata, dourado e bronze, em referência à mulher moderna, forte e batalhadora. A silhueta é bem marcada com a “armadura sensual” de fendas em saias, vestidos e calças. Destaque para o equilíbrio de looks com franjas e plissados.

Lino Villaventura: Coleção deslumbrante e cheia de detalhes. A cartela de cores contrasta o preto com tons mais fortes e coloridos. O ponto alto do desfile foi o vestido de noiva comrenda e saia estruturada. Lindo!

Osklen: Tendo como principais referências a Grécia antiga e o Olimpo, levou para as passarelas o estilo esportivo com sofisticação. Na essência, moletons, listras em preto e branco e maiôs. Os tons mostarda, verde e marinho deram um ar de anos 90 à coleção, uma das propostas da marca.

Fotos: Agência Fotosite

SPFW – 4 º Dia

Chris Francini, Chris na SPFW, Consultoria de Moda, Conteúdo da Chris, Dica da Chris, TendênciasChris FranciniComment

Reinaldo Lourenço: Uma coleção com a cara de Portugal. Em uma viagem pelo país, o estilista se inspirou nos famosos azulejos e nas rendas das viúvas e adaptou ao seu universo. Estampados, transparência, veludo são detalhes que se equilibram neste desfile. Destaque para as faixas e acessórios. O resultado foi lindo! 

Samuel Cirnansck: Conhecido por seus vestidos de festa, o estilista trouxe muito brilho e flores para o inverno 2016 da marca. Tons pastéis e muito bordado remetem a fadas. Os drapeados e transparências também foram referência.  

Apartamento 03: Trouxe para as passarelas uma reflexão sobre os ícones dos guarda-roupas masculino e o feminino. Alfaiataria impecável e silhueta larga são destaques desta coleção, além dos bordados franjados. Tudo acompanhado de sandálias masculinas bordadas com canutilhos que são tendências da estação.  

Coven: A marca traz elegância para mulheres de atitude. Listras e linhas geométricas, tricot misturado com estampas e texturas são referências fortes da estação. Outro ponto alto é o jeans da sua parceria com a Carrera, cujas peças trazem detalhes em tricot.

Helô Rocha: No desfile de sua nova marca, a estilista mudou suas referências e apostou menos em estampas e mais no mix de bordados e rendas. Os acessórios místicos contrapõem as botas e bolsas mais rústicas.

Fotos: Agência Fotosite

SPFW – 1º dia

Chris na SPFW, Tendências, Moda, Chris Francini, Conteúdo da Chris, Dica da Chris, FashionChris FranciniComment

A 40ª edição do SPFW teve início ontem com o desfile isolado de Alexandre Herchcovitch. O estilista comemora, junto com a semana de moda, 20 anos de carreira e segue sua estética de contrapor o feminino e o masculino nas suas coleções.

Alexandre Herchcovitch: Primeiro estilista a se apresentar nesta temporada, Alexandre usou muito o leve e o pesado no mesmo look, apostando em tecidos masculinos, como a alfaiataria contrapondo com peças mais delicadas e sexys. Destaque para as fendas e aberturas em lugares estratégicos do corpo feminino. Reforçou amistura de materiais como vestidos de cetim e botas bem pesadas, que remetem ao fetiche. A cor principal do desfile foi o preto, um pouco de branco e a aparição de estampas xadrez e pied de poule.

Fotos: Agência Fotosite