CHRIS FRANCINI

fashion week

São Paulo Fashion Week N43 - 4° Dia

SPFWChris FranciniComment

A LA GARÇONNE

Primeiro desfile do dia, com a sala lotada, a coleção une o universo fetichista de Alexandre com a fase mais garimpada da ALG. Um mix de peças produzidas à mão com um estilo underground que vem de outras épocas. A apresentação forte e marcante teve um resultado positivo imediato, e mostra que a imagem da dupla veio para ficar. A marca ainda conta com diversas parcerias de sucesso, entre elas: os coturnos com a Hardcore Footwear, as peças conceito e comercial com a Hering, tênis customizados Vans + A La Garçonne, e a última, e uma das minhas preferidas, os acessórios de Hector Albertazzi, inclusive as bolsas estampadas e com cordas, que amo!

COTTON PROJECT

Conforto é a palavra que vem à cabeça quando falamos da Cotton, e é essa a proposta da marca para o inverno 2017, estar bem vestido e confortável ao mesmo tempo. Para isso, a coleção conta com peças de algodão, seda, veludo. A alfaiataria surge bem casual e em cores clássicas que vão do preto, branco até a mistura de tons quentes. Atenção para o laranja e amarelo, pontos de cor para a estação, usados com delicadeza.

MAISON ALEXANDRINE

Mais uma estreia na temporada, a grife teve sua coleção assinada por Dinho Batista. Ao contrário de outros desfiles, a marca optou por uma modelagem mais alongada e clean, sem excessos. Vestidos longos e curtos, justos e fluídos com recortes estratégicos. A transparência ganhou aplicações de fitas de cetim, como se estivessem trançadas. Adorei, elegante e sensual! O estilista (pelo mesmo durante o SPFW) e assessor pessoal de modelos famosas como Isabeli Fontana e Carol Ribeiro, ainda contou o segredo de ser uma coleção tão especial, ele homenageou as mulheres importantes de sua vida, dando o nome de cada uma as suas produções.

JULIANA JABOUR

Ao se inspirar no universo de motocross, a estilista une o estilo esportivo e de atitude, com uma segunda parte, mais romântica, de rendas e babados. Uma coleção com diversas peças-desejo invadiu a passarela com um styling esperto e toque moderno. A combinação do leve e pesado é sempre bem vista pelas marcas, e Juliana investiu em diferentes opções: jaqueta de couro + vestido de tule, calça esporte com camisa victoriana e outras misturas que deixam a coleção bem atual e divertida! Nas cores, predominam o preto e branco, com estampas em vermelho, azul e amarelo.

AMIR SLAMA

Nesta temporada, o estilista em uma coleção bem viva e que lembra o filme “Flashdance”, sim impossível assistir ao desfile e não pensar nos anos 80, biquínis de diferentes formatos, inclusive asa delta, e muitas tiras. As cores do beachwear são vivas e ganham um toque metalizado. O ponto alto da marca, foi a campanha contra o assédio feita junto com o Estadão, em que a modelo teve a frase “Me visto como eu quiser”, escrita no corpo com uma tinta que aparecia apenas com flash.

TIGRESSE

O último desfile do dia ficou para a estreante TIG (ou ainda chamada de Tigresse). Em sua nova fase, a marca faz também o equilíbrio do leve e do pesado com tendências que vão das passarelas ao nosso armário.
Muita transparência, renda, paetês, metalizados, geralmente na cor preta. Uma mistura dos anos 80 e 90, quando inicia a fase de rebeldia e extravagância, que hoje já não assusta e está cada vez mais nas lojas. 

O que acharam? Confiram aqui os desfiles do primeiro, segundo e terceiro dia.

Beijos, Chris.

São Paulo Fashion Week - N42 - 5° Dia

SPFWChris FranciniComment

Gloria Coelho

A Escócia foi a grande inspiração da estilista para sua nova coleção. O inverno 2017 da marca, traz kilts com recortes assimétricos, algumas vezes sobre calças justas, vestidos festivos e até a própria bandeira do país foi parar nas estampas. Destaque para os recortes geométricos sobre tules, dão um ar mais jovem e do street style. Assim como, a combinação de vestidos longos com botinhas. A tabela de cores é sóbria, com toques de vermelho, azul, laranja e verde.

Samuel Cirnansck

Nesta temporada, o estilista deixou a moda-festa um pouco de lado para apresentar a SCK, sua segunda marca, mais casual e despojada. O jeans é o ponto de partida de quase todos os looks, combinado com estampas e alguns bordados. O azul é a cor principal da coleção, junto com rose, amarelo e branco representam uma coleção leve, que vai do jeans ao beachwear. 

Ratier

Os anos 80 invadiram a passarela no desfile da Ratier! Para a coleção de alto verão, a marca seguiu o estilo esportivo e investiu na mistura com peças de alfaiataria em tons claros e alguns pontos metalizados. As modelagens são soltas e lembram os uniformes esportivos da época, malhas, moletons e seda nas peças mais fluidas. O conceito see now, buy now foi totalmente aceita, algumas peças começaram a ser vendidas logo após o desfile.

Helo Rocha

A nova coleção tem um mood leve e romântico. Vestidos e macacões fluidos, que variam entre curtos e longos, tecidos assimétricos e muitas texturas! A estilista investiu também em aplicações de patchwork e babados para looks bem femininos. Produções desejo para este verão!   

Fotos: Divulgação/FFW

São Paulo Fashion Week - N42 - 4° Dia

SPFWChris FranciniComment

Iódice

A nova coleção da marca traz elementos culturais da Índia com toque urbano. O veludo “molhado” continua em alta, combinado com elementos de seda e muitos detalhes, principalmente de tachas e spikes nas sandálias! A modelagem é mais solta e o comprimento é o midi. Atenção para as bolsas transpassadas e com amarrações que lembram slings, tradicionais da região. A cartela de cores varia entre tons terrosos, marsala, amarelo e, o desfile ainda conta com um bloco multicolorido. 

Água de Coco

Um lindo desfile para praia e pós praia, com muitos bordados! As calcinhas maiores foram combinadas com top mais sensual, enquanto outras calcinhas continuam menores. As estampas pretas e brancas deram um toque urbano chique a coleção, assim como as estampas de listras na cava e nas alças! Adoro o bloco de kaftas e biquínis sunquínis com a calcinha toda bordada com coqueiros. 

Ronaldo Fraga

O clima do real e do místico tomou conta do Theatro São Pedro na tarde de ontem em São Paulo. O estilista buscou referências femininas dos anos 20, 30 e 40 para criar os vestidos trompe com toque de fantasia, nas estampas e mangas mais bufantes. A silhueta sempre marcada.
Ronaldo Fraga não quis apresentar apenas um desfile de moda, mas um protesto pelo respeito e aceitação por todos que estiveram nas passarelas e contra a violência sobre eles. O casting contou com modelos transexuais e travestis e emocionou a todos que estavam presentes.

Vitorino Campos

Mais uma marca que investe na mistura do feminino e masculino de uma forma segura e com caimentos pontuais. O desfile é dividido em dois blocos: O primeiro, mais fresh e com cores claras, como os tons de rosa. Usaram muito a estampa xadrez em modelagens mais largas.
Enquanto o segundo, vai para uma cartela de cores mais sóbria com looks pretos, cinza e peças mais estruturadas ao corpo.

Amir Slama

Sempre com surpresas na moda praia, Amir Slama buscou referências dos anos 80 para levar uma coleção atual e imediata para as passarelas, pensando principalmente na procura das mulheres para o fim do ano. 
A coleção “Tropical Jungle” traz uma diversidade de recortes e tiras para todos os gostos. A cartela de cores foi um dos destaques, o estilista inicia o desfile com peças pretas, que vão dando espaço a estampa animal print, que além da cor tradicional, aparecem tons de rosa, laranja, roxo e, finalizam em looks brancos.

Osklen

A marca levou às passarelas sua primeira coleção no conceito “see now, buy now”, looks elegantes, leves e a cara do alto verão! Os principais acessórios foram os chapéus e alpargatas, presentes em todas as produções. Um desfile monocromático, com cores vibrantes e em outro bloco, estampas tropicais de coqueiros e margaridas. As silhuetas são amplas, com seda e uma proposta indispensável para a próxima estação.

Fotos: Divulgação/FFW

São Paulo Fashion Week - N42 - 3° Dia

SPFWChris FranciniComment

Fernanda Yamamoto

Buscando o caminho contrário do conceito “see now, buy now”, a estilista apresentou uma coleção com apenas 20 looks na passarela, com a proposta de mostrar o processo criativo para resultado final. A alfaiataria descontruída valorizou a forma feminina, muito elegante! Babados e recortes estratégicos foram seus principais destaques.

Lolitta

Nesta temporada, a Lolitta apostou no conceito see now, buy now. O desfile Resort leva o tricot às areias nesta transição com peças usáveis e cores desejo do momento! Preto e branco com toque de look neon rosa, laranja e amarelo. Atenção para os maiôs e biquínis que brincam com logomania.

Experimento Nohda

Patricia Bonaldi aproveitou o conceito de transição de temporadas e se reuniu com os estilistas Luis Cláudio e Lucas Magalhães, da Apartamento03, para criar o Experimento Nohda. Uma produção que não será vendida, mas cada ideia estará nas lojas de cada grife.
Por terem estilos e processos criativos diferentes, o trio uniu seus conhecimentos e habilidades para apresentar um desfile com alfaiataria oversized, volumes assimétricos e cinturas marcas por laços, peças bordadas e vestidos fluidos com leve toque de transparência. Uma experiência que torcemos para encontrar em breve!

A. Brand

Desfile que misturou o estilo masculino e feminino com muita elegância e despojamento. A combinação de listras com estampa orgânica, xadrez com listras, um desejo imediato das peças da passarela. A silhueta é mais larga e confortável, sucesso garantido!

Lilly Sarti

O desfile mais leve que das outras temporadas, traz uma nova fase da grife. Com a proposta see now, buy now, na passarela foram apresentadas peças desejos para o fim de ano. Vestidos assimétricos, fluidos, transparência e cintura marcada. A tabela de cores é mais suave, com tons de nude e uma variação de terrosos. Os babados remetem também ao romantismo e toque bem feminino da coleção. As peças já estão na venda nas lojas e no e-commerce, inaugurado no mesmo dia.

Fotos: Divulgação/FFW

São Paulo Fashion Week – N42 - 2° Dia

SPFWChris FranciniComment

A La Garçonne

Direto do MASP, a dupla Alexandre Herchcovitch e Fabio Souza, apresenta sua segunda coleção da A La Garçonne. O feminino e o masculino aparecem ao mesmo tempo, tanto para homens, como para mulheres e uma grande mistura do forte com o suave.

O estilo esportivo está em alta, assim como em outras marcas e, é representado pelas telas, números estampados e jaquetas por cima da sensualidade das rendas e transparências. Mais uma vez, os estilistas investiram na combinação do vintage com o novo em sintonia. 

Os acessórios foram feitos novamente em parceria com Hector Albertazzi, as peças estão lindas e marcantes.

Reinaldo Lourenço

Inspirado em sua última viagem, para a Suécia, o estilista apresentou uma coleção de contrastes de cores, estampas e texturas. Destaque para a combinação das listras nas peças de alfaiataria com estampas florais nos tecidos fluidos e algumas vezes, mangas bufantes. 
Os plissados continuam em alta e, desta vez até em looks completos. O efeito foi causado por fitas aplicadas por cima dos tules. As atualizações aparecem também no bloco de vestidos de festa com o tricô canelado nas golas rolês.  

Patrícia Viera

Nesta temporada, o ponto de partida da coleção de Patrícia Viera foi a Ilha de Páscoa, uma ilha da Polinésia oriental. Com toda sua técnica com o couro e outros materiais, apresentou looks que contrastam o leve e o pesado, com referências do seu destino de inspiração. A mulher da marca é sempre muito feminina, e a cartela de cores conta com tons de azul, verde, nudes e laranja, em alta para o verão. Aparentemente mais leves, as peças ganharam movimento através das franjas.

LAB

O cantor Emicida e seu irmão Evandro Fióti se uniram com o estilista João Pimenta para levar às passarelas o que já vinha sendo comercializado nos shows. Em sua estreia na SPFW, a LAB apresentou uma coleção que mistura muitos elementos do street style com alfaiataria. Influências orientais e africanas passaram pelos looks em preto, branco e vermelho. Peças masculinas e femininas transitam no desfile sem gênero e medidas, moda para todos!

Fotos: Divulgação/FFW